CURSO AT 202 - FORMAÇÃO (ESPECIALIZAÇÃO) EM ANÁLISE TRANSACIONAL

É um curso destinado à formação de profissionais em Análise Transacional, para aplicação em suas áreas específicas de atuação: Áreas Clínica, Educacional ou Organizacional. Tem como objetivos, entre outros, fornecer informações teóricas sobre AT, necessárias para uma prática profissional adequada, ética e eficaz; fornecer informações teóricas que permitam uma análise comparativa da AT com outras teorias existentes em cada campo de atividade específica; introduzir o treinando na aplicação de AT, através da prática supervisionada; estimular o treinando a utilizar a AT para o seu próprio crescimento pessoal; e, preparar o treinando para os Exames de Certificação.

Duração: 2 a 3 anos

Informações: (21) 99644-8807  This e-mail address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it


Consulte nosso calendário para saber a próxima edição deste curso.

 


Área Clínica - Somente para Psicólogos e Médicos (ou que estejam cursando) e que desejam ser psicoterapeutas em AT atendendo individualmente ou em grupo;

Área Educacional - Profissionais da Área de Educação de nível superior completo (ou que estejam cursando) e que desejam aplicar a AT na área de educação (orientação pedagógica em escolas, professores, alunos, orientação escolar, liderança comunitária, liderança e aconselhamento religiosos etc.); e,

Área Organizacional - Profissionais de Outras Áreas com nível superior completo (ou que esteja cursando) e que desejam atuar em organizações (consultores internos e/ou externo, em RH, desenvolvimento e gerenciamento de uma organização).

Objetivos:

- Preparar os treinandos para aplicarem AT em seu campo de atividade Clínica, Organizacional e Educacional;

- fornecer informações teóricas sobre AT, necessárias para uma prática profissional; adequada, ética e eficaz;

- fornecer informações teóricas que permitem uma análise comparativa da AT com outras teorias existentes em cada campo de atividade específica;

- preparar os treinandos para ministrarem cursos AT 101 (Curso Introdutório de AT);

- estimular os treinandos a expandirem os conhecimentos de AT, através de leituras, pesquisas bibliográficas, trabalhos em grupo e discussões técnicas;

- introduzir o treinando na aplicação de AT, através da prática supervisionada;

- estimular o treinando a utilizar a AT para o seu próprio crescimento pessoal; e,

- preparar o treinando para os Exames de Certificação.

Carga horária:

- Teoria Geral de AT – mínimo de 100 horas.
- Estudo Comparativo de AT – mínimo de 32 horas.
- Aplicação da Teoria de AT - mínimo de 50 horas.
- Ética Profissional – mínimo de 12 horas.
- Prática supervisionada – mínimo de 50 horas.

Duração: Entre 2 a 3 anos (24 módulos) realizados sempre num final de semana por mês (sábado e domingo).

Pré-requisitos:

a) ter feito o Curso Introdutório à Análise Transacional (AT 101) ministrado por um Analista Transacional Certificado ou Didata em Formação ou Didata reconhecido pelo UNAT- Brasil (cópia do certificado ou declaração assinada pela pessoa que o ministrou);

b) ser portador de diploma universitário (cópia do diploma) reconhecido legalmente no Brasil ou estar devidamente matriculado num curso superior (declaração da faculdade) dentro da área na qual pretende atuar (Clínica, Educacional ou Organizacional);

c) não ter infringido o Código de Ética da sua profissão ou sofrido condenação em Direito Público; e,

d) ter feito ou estar fazendo terapia (mínimo de 50 horas) individual e/ou grupal em AT (declaração do terapeuta).

Certificação:

a) ter completado o Curso AT 202 ministrado por Didata em Formação ou Didata reconhecido pelo UNAT-Brasil, bem como, as horas de supervisão (mínimo de 50 horas) e a prática supervisionada em AT;

b) ter o contrato de formação devidamete registrado na UNAT- Brasil por um período mínimo de um (1) ano.

c) ter sido aprovado no Exame Escrito para Analista Certificado oficial da UNAT – Brasil; e,

d) ter sido aprovado no Exame Oral Oficial da UNAT- Brasil para Analista Certificado.

Fonte: Manual de Normas e procedimentos da UNAT-BRASIL - 2a. Edição  Revista - 1995
 



CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO CURSO AT 202


fonte: site da UNAT (www.unat.org.br)

I. TÓPICOS COMUNS A TODAS AS ÁREAS

1. ANÁLISE ESTRUTURAL
a) Primeiros escritos de Eric Berne e influências que sofreu.
Localização da AT no contexto histórico e social;
Situação da AT dentre as diversas escolas de psicologia;
Artigos sobre Intuição e estados do ego (a estória do boiadeiro);
As observações de W. Penfield, Klein, Federn, Weiss e Erik Erikson.
b) Definições, Descrições e Diagramas
Definições e Descrições dos Órgãos Psíquicos e dos Estados de Ego;
As diferenças entre Estados de Ego e Superego, Ego e Id;
Diagramas estruturais de primeira e segunda ordem;
Terminologia Padronizada.
c) Análise Funcional dos Estados de Ego
Funcionamento de importância do P-A-C;
Diálogo interno;
Pai ativo e Pai influente;
Energia Psíquica e catexia;
Poder executivo e Self real;
Diagramas Funcionais - descrição comportamental;
Distinção entre estrutura e função;
Problemas de fronteiras (contaminação, exclusão, lesão e fronteiras

frouxas ou indeterminadas);
Descomissionamento dos Estados de Ego
d) Tipos de Diagnósticos
Comportamental; Social; Histórico; Fenomenológico.
e) Aplicação ao Comportamento
Descontaminação;
- Auto-calibração (consciência das vozes, etc.)
- Trabalho das Cadeiras Múltiplas;
- Outros
Egogramas (Hipótese da Constância);
Impasses.

2. ANÁLISE TRANSACIONAL PROPRIAMENTE DITA
a) Transações
Definição de Transação;
Tipos de transações, descrições e diagramas;
Regras de Comunicação;
Aplicação ao Comportamento
- Transações de transferência e contra-transferência
- Transações de redefinição
- Transações da forca, da permissão e no alvo (bull's eye)
Análise dos relacionamentos;
Opções.
b) Carícias
Definição;
Historia e desenvolvimento do conceito;
Fomes psicológicas;
Qualidade, forma, filtro e fonte de carícias;
Características das carícias:
- Valência (positiva ou negativa);
- Qualidade (condicional ou incondicional);
- Forma (verbal ou não verbal); Fonte (self ou outros).
Aplicação ao comportamento:
- Análise do padrão de carícias;
- Economia de carícias;
- Outras técnicas relacionadas às carícias
c) Síndrome da passividade
Conceito de: Simbiose
Grandiosidade,
Comportamentos passivos,
Quadro de referência,
Redefinição e transações de redefinição;
Relacionamentos simbióticos;
Hexágono de redefinição.
d) Desqualificação
Definições: processos comportamentais e internos;
Carícias e Desqualificação
Relacionamento da desqualificação com Posição Existencial, Jogos, Disfarces, Scripts e Síndrome de Passividade;
Níveis de desqualificação;
Aplicação ao comportamento:
- Identificação e confrontação das desqualificações;
- Confrontação do nível da desqualificação.
e) Estruturação Social do Tempo
Fome de Estruturação;
As seis formas de Estruturação do Tempo;
Aplicação ao comportamento:
- Análise dos padrões de estruturação do tempo;
- Análise dos padrões de caricias correspondentes.

3. JOGOS
a) Definição e características dos jogos
Berne;
Outros (pelo menos dois outros autores, que contribuíram para a teoria básica de AT);
b) Objetivos (Berne, Steiner, Goulding)
Vantagens (Berne);
Relacionamento dos jogos com carícias, posição existencial,

desqualificação, passatempos, disfarces e scripts;
c) Diagramas dos Jogos
Diagrama Transacional (Berne e Kupfer-Goulding);
A Fórmula do Jogo (Formula G de Berne);
O Triângulo Dramático.
d) Descrições dos Jogos
Análise formal;
Severidade do jogo (graus);
Nome dos jogos.
e) Aplicação ao comportamento e intervenções
Quatro respostas de Dusay;
Confrontação das primeiras desqualificações;
Plano do jogo (John James);
Desfecho final positivo (John James);
Outras técnicas para lidar com jogos.
f) Jogos de Poder (Steiner).

4. ANÁLISE DOS DISFARCES
a) Definição de Disfarce (de acordo com pelo menos cinco teóricos de AT)
b) Sistema de Disfarce (Erskine e Zalcman)
c) Significado dos processos internos e intrapsíquicos
d) Relação de Disfarces com Transações, Jogos e Script;
e) Aplicação ao Comportamento
f) Emoções Autenticas e Disfarces
g) Alfabetização emocional
h) Relação dos Disfarces com a Posição Existencial;
i) Relação de disfarces com estresse e transtornos psicossomáticos;
j) Estudos sobre raiva, medo, tristeza, vergonha em seus aspectos defensivos e produtivos.

5. ANÁLISE DO SCRIPT
a) Definições e Diagramas
Definição de Script de Berne;
Formula do Script (Formula S);
Matriz do Script e seus quatro componentes: programa, injunção, provocação e prescrição;
Aparelho do Script;
Conceito de Compulsores (impulsores);
Matrizes de Script;
Antiscript; Episcript;
Outras definições de Script.
b) Formação e elaboração do Script
Decisões Precoces;
Decisão feita pela Criança;
" Eletrodo" implantado pelos pais ou outros;
Elementos da decisão precoce (Holloway);
Posições Existenciais
- Quatro posições existenciais básicas
- Curral OK (comportamental);
Desenvolvimento do Script
- Seis influencias que atuam no Script;
- Aparato do script;
- Protocolo e palimpsestos;
- Pensamento marciano e pensamento legal;
- Adaptações;
Relação dos scripts com estágios de desenvolvimento.
c) Classificação do Script
Banal e Trágico;
Vencedores, Não-Vencedores e Perdedores;
Sem Amor, Sem Cabeça e Sem Alegria;
Scripts de acordo com seis padrões de decurso do tempo;
Scripts masculinos e femininos;
Script cultural;
Outras classificações.
d) Elementos descritivos
Camisetas, Epitáfios, Testamento e Cena de Morte;
Contos de Fadas, Mitos, Heróis;
Exigência Horária e Exigência de Meta;
Liberação Interna e Externa do Script;
Válvulas de Escape;
Moedas do script;
Tensão Antecipada e Ressaca - Berne.
e) Diagnóstico do Script
Sinais do script;
Componente somático (Berne e outros autores);
Listas de verificação do script - questionários.
f) Aplicação ao Comportamento
Pontos de vista filosóficos:
Mudança e cura;
Toda pessoa tem um script?
Script versus autonomia.
g) Aplicação ao Comportamento
Permissão, Proteção e Potência;
Miniscript;
Mudança do script (vários autores).

6. TEORIAS DE DESENVOLVIMENTO
a) AT: Berne, English, Schiff e Levin
b) Outros: Piaget; Erickson, Mahler, etc.

7. CONSIDERAÇÕES SOBRE A INTERVENÇÃO
a) Contratos:
Organizacionais, Educacionais, Terapêuticos e outras áreas;
Aspectos administrativos, profissional, psicológico;
Quatro requerimentos para a validade;
Contrato de Controle Social e Contrato de Autonomia;
Contratos Multilaterais.
b) Estágios de intervenção.

8. HISTÓRIA E LITERATURA DA ANÁLISE TRANSACIONAL
a) Desenvolvimento da Análise Transacional
Seminário de Psiquiatria Social de São Francisco; Associação Internacional de Análise Transacional
Outras Associações; UNAT-BRASIL; Associações Regionais Brasileiras.
b) Bibliografia de Análise Transacional
Berne;
Outros autores significativos;
Prêmios Eric Berne.

9. TEORIA DE BERNE SOBRE ORGANIZAÇÕES E GRUPOS, APLICAÇÃO

E INTERVENÇÕES
a) Definição e Terminologia de Berne
Estrutura do Grupo:
Organizacional; Individual; Privado
Dinâmica de Grupo:
Forças; Atividade e Processo Grupal
Autoridade do Grupo:
Liderança; Cânone; Cultura (etiqueta, cultura técnica e caráter do grupo);
Diagramas de Grupo:
Localização; autoridade; Imago Grupal; Estrutural; Dinâmico; Transacional
b) Considerações para a Intervenção
Preparo do facilitador;
Organização de um grupo;
Organizacional: administrativo, profissional, psicológico;
Facilitador - cliente;
Formas de Intervenção.
c) Intervenções em Grupos Disfuncionais
Consultoria com a Liderança;
Diagnóstico por Diagramação;
Investimento de energia no Processo versus Atividade.
d) Ética Profissional
Diferenças entre as aplicações clínicas, educacionais, organizacionais e de outras áreas da AT;
Consciência do treinamento específico requerido para trabalhar em cada uma das áreas;
Contrato de não terapia para as áreas não clínicas.

II. TÓPICOS ESPECÍFICOS PARA A ÁREA CLÍNICA

1. ANÁLISE ESTRUTURAL
a) Correlação entre a Psicopatologia Clássica e a AT;
b) As oito operações terapêuticas;
c) Parentalização, Reparentalização, Auto-reparentalização e Reparentalização

focalizada (spot reparenting);
d) Tratamento do estado de ego Pai;
e) Tratamento do estado de ego Criança;
f) Técnicas de descontaminação, de desconexão do elástico, trabalho em cadeiras

múltiplas e outras.

2. ANÁLISE DO SCRIPT
a) Os scripts e os diagnósticos clássicos;
b) Escola Asklepieion;
c) Escola da Redecisão e suas técnicas;
d) Escola Integrativa e suas técnicas;
e) Terapia dos Disfarces (Berne, Fanita English, Zalcman e Erskine)
f) Controle social e cura clínica
g) Uso de contratos em terapia. Contratos e deveres para casa;
h) Estágios de tratamento
i) Planejamento de terapia
j) Parâmetros de cura
k) Adaptações da Personalidade

3. CONSIDERAÇÕES SOBRE A INTERVENÇÃO
a) Fases da terapia (Berne);
b) Análise Estrutural; Transacional, de Jogos, de Disfarces e de Script;
c) Descontaminação e desconfusão;
d) Outros autores (Erskine, Boyd, James).

4. TERAPIA DE GRUPO
a) Berne;
b) Terapia no grupo;
c) Terapia pelo grupo.

III. TÓPICOS ESPECÍFICOS DA ÁREA ORGANIZACIONAL

1. ANÁLISE DO SCRIPT.
a) Script das Organizações e sua relação com o Script de seu líder primal, como fonte de informação para o consultor/ treinador;
b) As posições existenciais e os estilos de liderança;
c) Economia de caricias e clima organizacional;
d) Estados de ego e cultura organizacional.

2. TEORIAS SOBRE ORGANIZAÇÕES E GRUPOS
a) Berne - Terminologia e aplicação à organização;
b) Escola Clássica e sua aplicação às organizações;
c) AT e teorias da organização (pelo menos três (3) outros autores);
d) AT e cultura organizacional;
e) AT e Liderança;
f) AT, participação e Qualidade Total, Reengenharia etc.;
g) AT e comunicação;
h) AT e Administração de Conflitos, Negociação, Emponderamento (empowering);
i) AT e desenvolvimento de equipe: AT e tomada de decisão e criatividade, AT e administração do tempo, AT

e condução de reuniões produtivas;
j) AT e recursos humanos: recrutamento, seleção, treinamento, empregabilidade;
k) AT em atividades, consultoria e assessoria organizacional.

IV. TÓPICOS ESPECÍFICOS DA ÁREA EDUCACIONAL
a) Escola Clássica e sua aplicação a Educação;
b) Estágios do desenvolvimento, segundo diferentes autores: Berne, Freud,

Klein, Piaget, Pamela Levin, Skinner e outros;
c) AT e processos de Aprendizagem;
d) Permissão, Proteção e Potência no Ensino/ Aprendizagem;
e) Contratos Transacionais nas instituições educacionais;
f) Liderança e Aprendizagem Vicária no Ensino Formal e na Educação de Adultos;
g) Noções sobre sistema familiar. Aconselhamento de Pais;
h) A Escola e a classe como grupos sociais com dinâmica própria;
i) Processos de Avaliação e seu impacto no comportamento do educando;
j) O educador como um facilitador do crescimento e desenvolvimento do educando.

V. TÓPICOS ESPECÍFICOS DE OUTRAS ÁREAS

1. ANÁLISE DO SCRIPT
a) Script das Organizações como fonte de informação para o consultor/ treinador;
b) As posições existenciais e os estilos de liderança;
c) Economia de carícias e os estilos de liderança;
d) Estados de Ego e Cultura Organizacional.

2. TEORIAS SOBRE ORGANIZAÇÕES E GRUPOS
a) Berne - Terminologia e aplicação à Organização;
b) A Escola Clássica e sua aplicação a outras áreas;
c) AT e sua correlação com alguns autores nas áreas em questão;
d) AT e Comunicação;
e) AT e Recursos Humanos: recrutamento, seleção, treinamento, avaliação de desempenho e administração de pessoal.

OBSERVAÇÃO: Espera-se que em virtude da especificidade das questões relacionadas aos vários campos de atividade incluídos em Outras Áreas, que Orientador e Orientando contribuam com sugestões sobre outros tópicos relevantes a serem abordados.


Bibliografia:

Análise Transacional em Psicoterapia - Eric Berne.

Olá - O que você diz depois de dizer Olá? - Eric Berne.

Os Jogos da Vida - Eric Berne.

Papeis - Os Papeis que vivemos na Vida - Claude Steiner.

Ajuda-te pela Análise Transacional – Goulding.

Princípios do Tratamento de Grupo - Eric Berne.

Sexo e Amor - Eric Berne

Análise Transacional ao Vivo , Roberto Kertész , Summus Editorial.

Nascidos para Vencer, James e Jongeward, Ed. Brasiliense.

Eu estou OK e você está OK, Thomas A Harris, Ed. Artenova.

Carícia Essencial, Roberto Shiniashiki, Ed. Gente.

Trabalhabilidade, Rosa R. Krausz, Ed. Nobel.

TAJ - Volume of Selected Articles form the TAJ - 1971-1980.

Prêmios Eric Berne.

Holloway - Uma visão integrada da At - xerox - cap. 11 – AT after Eric Berne.

AT after Eric Berne - Barnes - vários artigos e autores.

Transactional Analysis Today - Vann Joines.

Formação de Didatas 2007-2009:

 

 

Festival do Rio de Biodanza 2016:

 

 

Vídeo de apresentação da Biodanza: